Dicas

♥ A tal da maré vermelha

14:40:00Maria Fernanda Ojea

Ultimamente tenho recebido muitos e-mails e comentários... perguntando quanto tempo a tal "encomenda" (quando eu fazia as resenhas dos produtos comprados pelo eBay) demorou para chegar. Bom... antigamente antes da tal da maré vermelha (operação da Alfândega) as encomendas demoravam mas não era nada assim de tão absurdo (e compensava esperar por causa do preço). Demorava no mínimo uns 20 dias e no máximo 1 mês e meio. Mas depois com a maré vermelha a "coisa" ficou séria.

Eu não sou a pessoa mais entendida nesse assunto (se tratando de importação), mas o pouco que eu sei é conversando com o meu marido (que trabalha com isso) e pesquisando muito pela internet. Então vou tentar passar neste post tudo o que eu sei sobre (mas nada impede de vocês pesquisarem a fundo sobre o assunto em outros sites ou até mesmo com os orgãos responsáveis para maiores informações).

O que é a maré vermelha?
Maré vermelha é o nome da operação da Alfândega que classifica o tipo de fiscalização da encomenda. Antes a maioria dos produtos importados "passavam" pela maré verde, que significava que a encomenda não seria fiscalizada (aberta para ver do que se tratava e se o valor declarado correspondia com o produto). Mas com o aumento da importação (todo mundo vivia comprando tudo pelo eBay ou sites gringos por causa dos preços baixos) a economia do país foi ficando complicada, já que estávamos "investindo" dinheiro brasileiro no exterior. Ou seja, o dinheiro brasileiro estava saindo do país e não tendo retorno nenhum. A gente contribuía com a economia dos outros países... mas prejudicava a nossa. Então tiveram a "brilhante" ideia de complicar as compras internacionais, taxando as mesmas (assim o Brasil também sai ganhando com a compra já que você é obrigado a pagar o imposto para o Brasil) e com isso as pessoas também podem desistir e dar preferência para comprar os produtos importados no Brasil (pagando os impostos absurdos que são incluídos no valor deles).
Quando a encomenda importada vai para a maré vermelha (e não a verde... onde a caixa não é fiscalizada), ela é aberta para verificar se o produto é o mesmo descrito na declaração e principalmente se o valor declarado corresponde com o produto. Porque muitas encomendas (para não dizer a maioria) chegam no Brasil com o valor declarado bem baixo exatamente para não sermos taxados (porque as encomendas abaixo de 50 dólares e enviadas como gift não "poderiam" ser taxadas segundo as regras). Então... por exemplo... um sapato de grife que custa no Brasil com os impostos R$ 1.000,00 e ele vem declarado como 40 dólares, logo é taxado baseado no valor do produto no Brasil, mesmo ele ter sido declarado como gift e abaixo de 50 dólares. Tudo porque eles abriram a caixa e viram do que se tratava. O que não ocorria antes, porque quando eles viam que era abaixo de 50 dólares já classificavam a fiscalização da encomenda como maré verde e assim a entrega era realizada ao comprador sem maiores problemas.

Com a maré vermelha, toda a encomenda declarada abaixo de 50 dólares e como gift é taxada?
Depende. Se o valor declarado realmente corresponde ao produto, eles abrem a caixa, verificam, fecham novamente e a encomenda é entregue sem maiores problemas e taxas. Agora se o valor declarado estiver bem longe da realidade, a encomenda é taxada e o comprador recebe a cobrança ao retirar a encomenda nos Correios (se não pagar a taxa você não pode retirar a encomenda).
Mas claro que sempre rola uma sacanagem e mesmo o produto ter sido declarado como gift e abaixo de 50 dólares, e realmente o preço ser esse, eles podem taxar. Aí nesse caso o comprador tem que recorrer contestando a taxa (isso é feito na própria agência dos Correios onde a encomenda está retida). É só preencher um formulário, respondendo todas as perguntas e anexar uma cópia do documento que declara o valor do produto. Mas gente... vocês tem que fazer isso antes de retirar a encomenda e pagar a taxa, porque depois que você paga, não recebe mais o dinheiro de volta. E como a resposta deles demora um pouco (bastante) muitos compradores preferem pagar a taxa mesmo que essa seja indevida. O que eu discordo... porque a justiça tem que ser feita... se todos ficarem pagando eles vão cobrar sempre. O brasileiro precisa aprender a correr mais atrás dos seus direitos.

Porque as encomendas estão demorando muito para chegar?
Estão demorando porque para variar a operação não conta com a quantidade de funcionários suficiente para realizá-la com rapidez. Então a encomenda fica parada até que alguém a fiscalize. Isso pode ser rápido ou levar meses, e assim o tempo de entrega da encomenda varia muito.

Se eu me negar a pagar a taxa, o que acontece com a encomenda?
Depois de um tempo ela volta para o remetente. Aí você pode depois... tentar negociar com o mesmo a devolução do dinheiro da compra. Mas é claro que ele vai descontar os fretes, taxas do cartão, etc, ou até mesmo se negar a devolver alguma coisa. Ou seja, vai ter que contar com a boa fé do vendedor.

Considerações finais:
O valor declarado abaixo de 50 dólares e gift (de pessoa física para pessoa física), tem que ser a soma do produto mais o frete (por isso tem comprador sendo taxado mesmo o produto custando menos de 50 dólares, porque a soma dos 2 passa desse valor). E encomenda gift (presente) tem que ser de pessoa física para pessoa física, se vier como de empresa para pessoa física (comprador), logo chama a atenção da fiscalização porque se trata de uma compra e não "presente".

Nem todas as encomendas são fiscalizadas. Se você tiver "sorte" eles olham a caixa só por fora, olham a declaração (abaixo de 50 dólares) e providenciam a entrega. Mas como a maioria dos produtos baratos estão vindo dos EUA e China, eles tentam fiscalizar todas as caixas que estão vindo de lá. Outras encomendas que chamam mais a atenção, são aquelas que são despachadas com fretes prioritários e mais caros.

E claro... se a sua encomenda for declarada acima de 50 dólares, ela vai ser taxada e a caixa pode ser aberta ou não para fiscalização (vai depender da sua sorte).


Bom gente... espero que eu tenha esclarecido algumas dúvidas vocês. Eu particularmente não estou comprando mais nada no eBay e sites gringos, por causa da demora e porque não quero correr o risco de ser taxada... recorrer depois etc. Acho que o preço pago não vale a dor de cabeça. Enquanto eu conseguir comprar o que eu quero e preciso nas lojinhas que vendem esses produtos com valores bem abaixo das outras lojas (que cobram os devidos impostos), com os amigos e o marido que está sempre viajando para o exterior (free shop foi a melhor coisa que inventaram), não vou arriscar nos sites gringos. E também me nego algumas vezes a comprar um produto no Brasil cheio de impostos (porque assim... o governo vai ter que repensar se a tal da maré vermelha está realmente contribuindo com a ecomomia do Brasil).

Genteeee a coisa é séria... a maré vermelha está acabando com tudo. E não digo apenas com as comprinhas pequenas que a gente faz pelo eBay e sites gringos, mas com as compras de grandes empresas. Meu marido que trabalha com isso, está tendo o trabalho dele muito prejudicado... porque antes as cargas eram logo despachadas e hoje com a fiscalização está demorando muito. Tem até produto vencendo no porto, sem ir para os supermercados, então imaginem o prejuízo que essa operação está trazendo para todos.
 

You Might Also Like

0 Comentários

TRANSLATE/TRADUTOR

LEITORES ONLINE

Formulário de contato